Na vida, mais do que entendimento do Eu, Atman, que é Brahman, é preciso entender

Ishvara e trazê-lo

para nossa vida. Trazê-lo deliberadamente pois fato é que tudo que existe é ele, como

também as leis universais que fazem o cosmos funcionar tão perfeitamente, em ordem.

Para trazê-lo para minha vida, tenho que entendê-lo, e ao fazer isso, ele naturalmente fará

parte de mim e de tudo ao meu redor.

 

Sofro sempre que não consigo acolher o que acontece comigo. Acolher significa receber como o que me cabe, apesar de estar habilitada para, a seguir, tentar mudar se achar necessário.

Em oposição ao acolher, temos o rejeitar, não aceitar e ainda me sentir injustiçada; embarreirar o que vem para mim e para isso se faz necessário endurecer o corpo e a mente. Mas quando acolho, relaxo o corpo, disponibilizo minha mente.

 

A vida de Yoga consiste em entender sobre o jiva, o indivíduo, e Ishvara, o Todo. Mas, o truque da vida de Yoga é abrir o coração para receber o que vem e, só a seguir, lutar para mudar algo, se for necessário. Não é aceitar o que vem que me fará relaxar! Não é isso que é Yoga! É acolher o que vem, apreciando a ordem cósmica, e depois fazer o que for necessário, até mesmo para tentar mudar o que veio para mim. Acolher e agir é muito diferente de aceitar. Aceitar é uma passividade negativa que terá consequências indesejáveis, como inação e frustação passiva que conduzem a uma reação futura.

 

Para acolher a ordem cósmica, Ishvara, tenho que entendê-la. Através do estudo, de contemplação, de cantos de mantras e bhajans, o yogi “chama” Ishvara para seu dia a dia. Um dos muitos cantos da Tradição dos Vedas é o canto dos 108 nomes, naama, de Ishvara. Como se fosse uma carta de amor, 108 vezes a pessoa diz para Ishvara nomes carinhosos sobre sua grandeza e o saúda com um namah. Como por exemplo:

 

Om sarvaaya namah

Om ishvaraaya namah

Om sac-cid-aananda-vigrahaaya namah

 

Ishvara é na verdade nirguna e aruupa, não possui qualidade nem forma, mas é ele que através do poder de fazer aparecer, maayaa, manifesta-se na forma do universo. Manifestar-se aqui significa que o universo não é separado de Ishvara. É ele mesmo que de modo impossível assume a forma do universo. Como podemos dizer que o barro se manifesta na forma do pote.

Para trazermos Ishvara para nossa vida, temos necessidade de vê-lo como uma pessoa e por isso lhe damos uma forma. Como ele é todo o universo, todas as formas são dele e, então, qualquer forma o representará bem. Ao dar uma forma humana, personificá-lo, podemos nos relacionar mais facilmente com ele. A forma é simbólica. E lhe damos muitos nomes pois as formas são muitas. Uma das mais significativas é sat-cit-aananda-vigraha. Vigraha é uma imagem, uma forma, e sat-cit-aananda é aquilo que é livre de limitações, sempre existente e pura Consciência e, portanto, não pode ter forma, pois o ilimitado não pode ter uma forma, mas através de símbolos poderá ser representado. Como Dakshinamurti, que é Ishvara, e cuja forma inclui os cinco elementos, o Sol, a Lua, o feminino e masculino entre outros símbolos, de maneira a nos comunicar que ele não é uma pessoa, mas tudo o que existe.

 

Depois ele é chamado de sarva, aquele que é o todo. E, por fim, damos a ele a forma especial que nos encanta, como Krshna, Rama, Ganesha, Mahadeva ou Devi. E através das estórias simbólicas vemos a humanidade em Ishvara, a dualidade que pertence ao universo. E com isso aceitamos nossa própria humanidade. A humanidade no divino nos ajuda a aceitar nosso aspecto humano. E podemos ver que há beleza na dualidade, nos opostos e suas características únicas.

 

O yogi traz Ishvara para sua vida, o que o torna um bhakta, um devoto, e assim acolhe seu ahamkaara e sua vida complexa. Aprecia seu ahamkaara como parte de Ishvara e poderá entender que punya e paapa, dharma e adharma, o positivo e negativo na vida, estão em ordem, e são não separados do Atman, do Eu.

 

Om tat sat

 

Gloria Arieira

 

 

 

Editorial 2017 - Maio - Junho

Gloria Arieira

Rua Miguel Lemos, 44, sl 902 - Copacabana - Rio de Janeiro/RJ

Cep: 22071-001 | Brasil

Tel: +55 21 2287-2774 ou  98880-3256

  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Instagram